Insônia 2008 (2007)

by Dance of Days

/
1.
2.
3.
4.
5.
6.
7.
8.
9.
10.
11.
03:39
12.
13.
14.
04:30

credits

released December 18, 2007

tags

license

all rights reserved

about

Dance of Days São Paulo, Brazil

Rock paulista na estrada desde 1997!

Nenê Altro – Vocal
Marcelo Verardi – Guitarra
Adriano Parussulo – Baixo
José Junior – Bateria


Para shows escreva: shows@danceofdays.com.br ou envie whatsapp para 11963650960

Imprensa: imprensa@danceofdays.com.br

Agenda: danceofdays.com.br
... more

contact / help

Contact Dance of Days

Streaming and
Download help

Track Name: Sigo O Coração Que Diz Que Não Sabe (Mas É Segredo)
Se for pra não te ver chorar vale a pena.
Se for pra ver você me dar um sorriso,
eu fico horas na chuva.
Por mim tudo bem, não importa.

Eu fui adolescente até pouco tempo atrás,
agora eu quero é ficar calmo.
Quero contar meus sonhos,
mudar de casa... mandar fazer um quadro nosso.

Não sei o correto e já não sou tão certo.
Sigo o coração que diz que não sabe, mas é segredo.

Faz a vida ser bela e infinita
e diz que não somos grandes demais
pra pensar que tudo foi perdido
e que nada é como antes.

Quando chove gelo a gente sai com a língua pra fora.
Eu fingi tanto tempo ter certeza demais
e agora eu ouço alguém me dizer: "Pai, deixa a luz acesa".
E me perguntar quem acende as estrelas.

Eu sou criança grande sabe,
e eu quero sair e pular nas poças
se for pra te ver amar.

Faz a vida ser bela e infinita
e diz que não somos grandes demais
pra pensar que tudo foi perdido
e que nada é como antes.

E como já foi dito,
"toda criança sensível
saberá o que estou dizendo."
Track Name: Comerciais De Cigarro
Sob a lua cheia te fiz mil promessas de sol
pra iludir a sombra.
Me fiz santo de argila e te enchi de contos sobre a vida
e de como seria olhar pra frente.
Não me joga na água quente nem me bota de ponta cabeça
pra ver se eu te arrumo alguém melhor que eu.

Alguém que não te deixe
tão García Márquez,
feito personagem de Cem Anos de Solidão.
Você quer voar, mas eu só sei contar
estórias que não mais te encantam.

Em nossa aldeia há tanta gente,
sozinha amontoada e correndo,
passando entre os carros só pra ver
comerciais de cigarro na TV.

Às vezes a gente fica assim,
mesmo sem motivo, e quer andar por aí.
Às vezes a gente não sabe o que quer,
mas sabe como é, e quer muito mesmo assim.
E é engraçado ver que tudo sempre esteve aqui
mas a gente achava que estava tudo errado.

Hoje é assim,
você aí longe de mim, aqui do meu lado.
tão García Márquez,
feito personagem de Cem Anos de Solidão.
Você quer voar, mas eu só sei contar
estórias que não mais te encantam.

Em nossa aldeia há tanta gente,
sozinha amontoada e correndo,
passando entre os carros só pra ver
comerciais de cigarro na TV.